‘Por que tudo é branco?’: Entenda o questionamento de Muhammad Ali

Muhammad Ali em entrevista em 1971 para a BBC

‘Por que tudo é branco?’ O questionamento de Muhammad Ali é de 1971, mas se faz pertinente diante dos últimos acontecimentos, promovidos pelo movimento Black Lives Matter. E, assim como no post anterior, que propus uma reflexão sobre o recado do movimento Black Lives Matter para quem trabalha com comunicação e produção de conteúdo, hoje, dando continuidade a este assunto: ‘Por que tudo que é bom é branco?

O questionamento de um dos maiores nomes do boxe mundial, ainda menino, infelizmente, continua atual. Por que reproduzimos velhos padrões na hora de nos comunicar? De repente, você ache que o que faz não tem ou não terá impacto por não ser grande o suficiente, mas, oras, a verdadeira mudança começa por mim, por você.

Não dá para esperar ser o presidente de uma grande empresa para mudar algo, acredito que isso tem que ser uma conduta independente do posto ou função que ocupamos no âmbito profissional. O profissional da comunicação, jornalista publicitário ou social media, precisa repensar seus processos, os conceitos perpetuados na escrita e no design.

Neste sentido, a minha proposta é repensar a escolha de algumas palavras, repensar a escolhas de algumas imagens. Talvez, de início, alguns vão até se atrever a questionar essas mudanças, mas dane-se os comentários aparentemente bem-intencionados, mas enrustidos de preconceitos.

Chegou a hora de ‘virar a chave’, de ser autêntico, de parar de reproduzir velhos conceitos, a inovação bate à porta. É tempo de mudar. Caso isso não aconteça de forma autônomo, daqui algum tempo será uma exigência.

Só mais uma coisa: Não se esqueça de pensar na imagem que você quer passar para a sua audiência. As redes sociais são um meio para construir sua autoridade. Pense nisso!

author-sign

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *